A estrutura de empregos no mundo em 2010: o que fazem os ricos e os pobres?

Um gráfico para entender a riqueza e pobreza das nações de forma simples. As barras no fundo são a composição setorial do emprego para 2010 segundo a base GGDC (http://www.rug.nl/ggdc/productivity/10-sector/). A ordenação no eixo x segue a renda per capita real medida em PPP (http://data.worldbank.org/indicator/NY.GDP.PCAP.PP.CD) para 2010 e a linha do gráfico representa a complexidade […]

A Cepal acertou: analise de complexidade para entender Prebisch e Furtado

Os antigos economistas do desenvolvimento, também conhecidos como estruturalistas, dividiam-se em duas principais correntes: uma anglo-saxã e outra latino-americana. Ambas as vertentes baseavam suas análises sobre desenvolvimento econômico em conceitos de “linkages” ou ligações produtivas, complementaridades, armadilhas de pobreza e dualismos. A visão estruturalista definia o desenvolvimento econômico como uma transformação radical na estrutura produtiva […]

Histerese e os efeitos deletérios da apreciação cambial na estrutura produtiva brasileira

Nos últimos 10 anos os empresários brasileiros se especializaram em produzir commodities, bens agrícolas, serviços não sofisticados e prédios. Quais foram os negócios que mais prosperam no país da última década? Shopping centers, prédios comerciais e residenciais, lojas de varejo de todo tipo (cabelereiros, restaurantes, vestuário, concessionárias de automóveis, etc). Grandes obras de infra-estrutura, petróleo, […]

A queda da indústria brasileira

O gráfico acima mostra a evolução de nossa produção industrial desde o início de 2002. Depois da maxi desvalorização do câmbio de Outubro 2002 houve uma explosão de produção industrial no país, ajudada claro por uma economia que voltava a crescer graças à expansão de crédito e também subida de preços de commodities. A indústria […]

A grande maquila do Mexico

No mapa acima podemos observar a evolução da complexidade dos 5 principais países da região: Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e México. Ate o inicio dos anos 80, Brasil, Argentina e México apresentavam ainda elevada complexidade econômica que foi sendo perdida ao longo das décadas seguintes. Com exceção do México, graças a questão a ser discutida […]

Juro neutro no Brasil: a hora da verdade

O ano de 2017 foi marcado pela diluição dos prêmios dos juros futuros brasileiros que vinham de um excessivo desconto por conta da instabilidade política do país, do “desrepresamento” dos preços administrados, da deterioração dos preços das commodities e da consequente desvalorização cambial no biênio 2015 e 2016. Estes eventos combinados resultaram em uma pressão […]

A China “destruiu” o Brasil com dois golpes fatais

A China deu dois golpes fatais no Brasil nos últimos 20 anos. Por um lado desalojou nossa industria no mercado interno e no mercado mundial com custos baratos, dumping, cambio ultra competitivo e escalas de produção sem precedentes. Por outro lado ao consumir nossa soja e nosso mineiro de ferro forçou nossa especializacao produtiva nesse sentido, […]

Dinâmica tecnológica entre BRICS

Mais evidências de sucesso das políticas de upgrading industrial na China e Índia e mais evidências de doença holandesa, desindustrialização e regressão tecnológica no Brasil, Rússia e África do Sul!  (usando indices de complexidade econômica (ECI)) para uma explicação dos índices de complexidade econômica ver: Renda per capita e complexidade econômica [mc4wp_form id=”6441″]

O motor da economia brasileira quebrou

Nossa recuperação de atividade é muito lenta: talvez em 3 anos consigamos retomar o patamar de produção de 2014. As importações que despencaram 100bi de u$ por ano desde o estouro da bolha, nesse patamar baixo continuarão. Com isso, o superavit comercial seguirá na casa de u$50 bilhões  em 2017, 2018 e talvez 2019. Isso […]